CONTACT US
NORTH AMERICA
EUROPE & MIDDLE EAST
SOUTH AMERICA
ASIA & PACIFIC

Arizona
2016 | NORTH AMERICA | USA | 38 MW
SF Utility tracker equipment supply and installation for project developer Isolux Corsan.
Video

Fazendo frente à condições meteorológicas extremas: Como o SF7 luta contra o perigo e as altas velocidades do vento?

Fazendo frente à condições meteorológicas extremas: Como o SF7 luta contra o perigo e as altas velocidades do vento?

OS EFEITOS DINÂMICOS DO VENTO AMPLIFICAM CONSIDERAVELMENTE O MOMENTO DE TORÇÃO DA ESTRUTURA DO SEGUIDOR

As plantas fotovoltaicas se expõem frequentemente a perigos que põem a instalação em risco, convertendo-se em um investimento econômico imprevisível. Por este motivo, o projeto dos seguidores solares a um só eixo devem cumprir uma série de parâmetros que têm em conta um efeito aeroelástico causado pelo vento. As melhoras eletrônicas também se requerem para fazer frente a fenômenos meteorológicos como ciclones, ventos fortes e tempestades elétricas.

Vários estudos mostraram que certos códigos estandardizados de projeto do vento aplicado aos seguidores solares são insuficientes para projetar estas estruturas de forma fiável, já que não têm em conta o efeito de segunda ordem produzido pela ação do vento no seguidor. Para prevenir assuntos de instabilidade estrutural relacionadas, é necessário encontrar novas metodologias de análise que melhoram o projeto de estruturas de seguidores fiáveis quantificando a sua resposta aos efeitos de segunda ordem do vento. O consultor eólico líder, RWDI, em colaboração com a Soltec, desenvolveu um método inovador, Dy-WIND para análises dinâmicas integrais no projeto da matriz do seguidor. Com 15 anos de experiência no setor, a Soltec incorporou este método de projeto nos seus seguidores.